Olá visitante! Faça o login ou cadastre-se  
Carrinho vazio








Atraso econômico em perspectiva histórica e outros ensaios, O

Alexander Gerschenkron

404 páginas

ISBN: 9788578661144

Tradução: Vera Ribeiro

Alexander Gerschenkron (1904-1978) foi um historiador econômico russo que fez carreira acadêmica nos Estados Unidos e cuja obra ainda exerce enorme influência, tanto em seu campo de conhecimento específico quanto em áreas afins. Seu texto mais conhecido é "O atraso econômico em perspectiva histórica", que abre esta coletânea, em primeira tradução para a língua portuguesa. O artigo apresenta as contribuições teóricas centrais do autor e compara os dois casos que ele estudou mais detidamente, os processos de industrialização da Alemanha e da Rússia.

A contribuição de Gerschenkron é de natureza tanto metodológica como historiográfica. Mas, na balança onde se equilibra a história econômica, ele põe um peso maior no prato do historiador. Dialoga criticamente, de forma explícita, com duas tradições historiográficas, a rostowiana e a marxista. Não aceita as etapas propostas por Rostow, que especificam passos comuns que todos os países deveriam cumprir para chegar ao desenvolvimento industrial, e recusa a opção metodológica de Marx, que formula uma teoria geral da história tendo a luta de classes como mecanismo central explicativo.

Gerschenkron resiste às generalizações excessivas: "Do imenso reservatório do passado, o que se pode conseguir é extrair conjuntos de perguntas inteligentes que possam ser formuladas a temas atuais. A importância dessa contribuição não deve ser nem exagerada nem subestimada. A qualidade da nossa compreensão dos problemas de hoje depende, em grande parte, da abrangência do nosso quadro de referência."

O atraso relativo engendra problemas e oportunidades, produzindo processos historicamente distintos, mas com características comuns. Gerschenkron mostra que as industrializações retardatárias começam de forma descontínua, com uma arrancada súbita, e avançam com taxas relativamente altas de aumento da produção manufatureira; baseiam-se em fábricas e empresas de grande porte; privilegiam bens de capital, em contraste com os bens de consumo; exercem forte pressão sobre os níveis de consumo da população; contam com fatores institucionais especiais, destinados a aumentar o suprimento de capital para as indústrias nascentes; e não dependem de um papel ativo da agricultura.

Com esta coletânea de textos de Alexander Gerschenkron, a Contraponto Editora e o Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento prosseguem a publicação da série de clássicos da economia política e do desenvolvimento.

Carlos Pinkusfeld Monteiro Bastos

Numa Mazat

 R$ 80,00    R$ 48,00
             Apresentação

             Sumário


Compartilhar:





  • Editora Contraponto
  • Avenida Franklin Roosevelt, 23 sala 1405
  • Centro - Rio de Janeiro, RJ - CEP: 20021-120
  • Tel: (21) 2544-0206 / 2215-6148
  • contato@contrapontoeditora.com.br