Olá visitante! Faça o login ou cadastre-se  
Carrinho vazio








Revolução global, A: história do comunismo internacional (1917-1991)

Silvio Pons

576 páginas

ISBN: 9788578661021

Tradução de Luiz Sérgio Henriques

A questão que dá origem a este grande livro sobre o movimento comunista internacional nasce de um acontecimento histórico impensável para Marx e Engels e a segunda geração de marxistas europeus que sucederam os pais fundadores: a vitória do socialismo em um só país. E logo na Rússia, um país de desenvolvimento capitalista tardio, quando toda a teoria e a atividade revolucionária até então depositavam suas esperanças na Inglaterra e na Alemanha, como centros de irradiação da revolução europeia. Mesmo Lenin custou a crer na possibilidade de confirmação daquele acontecimento histórico, do qual foi um dos protagonistas.


    Para Silvio Pons, um reconhecido especialista nestes temas, não se pode compreender os desdobramentos do movimento comunista internacional ao longo do século XX sem examinar o nexo problemático que se estabeleceu desde o seu início entre a União Soviética (o Estado Revolucionário) e os partidos comunistas que se espalharam pelo mundo a partir dos anos 20. Este é o ponto de partida e a pedra angular desta obra de fôlego, que reconstrói os processos de emergência, ascensão, apogeu, crise e colapso do movimento comunista internacional, desde a Revolução Russa até o colapso da União Soviética, passando em revista a vasta bibliografia já produzida sobre o tema e recorrendo a novas fontes disponíveis com a abertura dos arquivos soviéticos, chineses e do antigo Leste europeu.


    O argumento de Pons tem um gume crítico bem afiado, dirigido tanto a uma historiografia do movimento comunista internacional que dá destaque aos processos endógenos de constituição e desenvolvimento dos partidos comunistas em cada país quanto àquela que o vê como puro reflexo das determinações impostas pela União Soviética. A chave interpretativa do autor é bem outra. Com ela, Pons realiza uma obra inovadora que ilumina não apenas "o perfil compacto e o circuito bem integrado (do movimento comunista internacional), mas também suas antinomias e incongruências", decorrentes da difícil harmonização entre os interesses do Estado soviético e as perspectivas da revolução mundial.


    Mais do que uma história do movimento comunista internacional, este livro é uma contribuição maior à compreensão da história do "curto século XX" e das razões que levaram o comunismo a perder legitimidade e finalmente sucumbir como projeto universal alternativo ao capitalismo. Uma obra essencial também para entender o presente, marcado pelo ressurgimento – em alguns casos diretamente dos escombros do socialismo – de projetos nacionais particularistas em tensão com as pretensões universalistas da ordem liberal (ainda?) vigente.


  Sérgio Fausto

  Membro do Grupo de Análise da Conjuntura Internacional da USP e superintendente-executivo do Instituto Fernando Henrique Cardoso.

 R$ 86,00    R$ 51,60
             Apresentação

             Sumário


Compartilhar:

TÍTULOS RELACIONADOS
Vida e pensamento de Antonio Gramsci 1926-1937

Giuseppe Vacca

R$ 82,00 R$ 49,20
Do Stalismo à democracia

Marco Mondaini

R$ 40,00 R$ 24,00
Gramsci no seu tempo

Alberto Aggio, Luiz Sérgio Henriques e Giuseppe Vacca (orgs.)

R$ 50,00 R$ 30,00
Jovem Gramsci, O: cinco anos que parecem séculos 191...

Leonardo Rapone

R$ 84,00 R$ 50,40
Manifesto Comunista 150 anos depois, O

Daniel Aarão Reis (org.)

R$ 32,00 R$ 19,20




  • Editora Contraponto
  • Avenida Franklin Roosevelt, 23 sala 1405
  • Centro - Rio de Janeiro, RJ - CEP: 20021-120
  • Tel: (21) 2544-0206 / 2215-6148
  • contato@contrapontoeditora.com.br