Carregando...
Compartilhar:
Cordas livres de Heraldo do Monte, As

Instituto Çarê
240 páginas
ISBN: 978-65-81700-00-3
58 partituras - 1 CD
R$ 99,00  R$ 59,40

"As cordas livres de Heraldo do Monte" é o volume que inaugura a série Brasil de Dentro, trabalho coletivo e multidisciplinar em que o Instituto Çarê deseja mostrar a riqueza da música brasileira, com ensaios críticos, fotografias, partituras e gravações, sobretudo dos artistas que, apesar de sua importância para a história da música, a formação de novas gerações e a construção da diversidade, permanecem relativamente desconhecidos do grande público.

A publicação tem coordenação geral e direção artística de Ivan Vilela, concepção e gestão de projeto de Elisa Bracher, textos de Budi Garcia e coordenação editorial e produção de Marcela Bertelli, entre outros que integram a equipe. A Editora Contraponto é parceira no projeto.

Nascido em 1935, Heraldo tem uma extensa trajetória como compositor e instrumentista. Tornou-se referência nacional e internacional. Começou com clarinete, violão e bandolim em rodas de choro, trabalhou em casas de espetáculos e integrou diversos grupos, entre os quais o Quarteto Novo – com Theo de Barros, Airto Moreira e Hermeto Pascoal –, que deu nova dimensão à música instrumental a partir das sonoridades nordestinas da época. Introduziu a viola de dez cordas e desenvolveu uma linguagem de improvisação com referências sonoras baseadas na cultura brasileira. Seus discos "Cordas mágicas" e "Cordas vivas" tornaram-se referências no uso de cordas dedilhadas no contexto da música instrumental.

"Estudei música por puro amor. Acho que ela é uma espécie de deusa que escolhe pessoas e as escraviza com sua beleza. O acaso me puxou para ser profissional. Nunca imaginei que estava fazendo história."

Mas estava. Neste volume, cerca de 100 páginas de textos e depoimentos, 58 partituras e 1 CD trazem as cordas livres de Heraldo do Monte, que nos falam de um Brasil que amamos.

***
Tom Zé
"Heraldo educa. O Nordeste voa com ele."

***
Arthur Moreira Lima
"É um dos músicos mais completos do Brasil. Toca até arame farpado."

***
Hermeto Pascoal
"Introduziu a viola caipira no universo da música instrumental e influenciou grupos de todo o mundo."

***
Yamandu Costa
"Heraldo cristalizou o que chamamos de guitarra brasileira. É um músico de dupla formação, que tocou tudo e nunca esqueceu suas raízes nordestinas."